Como as metodologias ágeis ajudam a minha empresa?

As metodologias ágeis já existem no mercado há algumas décadas. Elas ganharam espaço ao dinamizar processos em empresas automobilísticas. Contudo, observando as tendências trazidas pela transformação digital, em 2001 foi elaborado o  Manifesto Ágil. Escrito por 17 expoentes do mercado tecnológico, nele foram definidos os principais pontos sobre as metodologias ágeis. Sua principal característica é a possibilidade de entregas contínuas, priorizando a visão do cliente e do usuário final. 

Além disso, as metodologias privilegiam pontos, como a  redução da quantidade de documentação e a realização de etapas curtas de planejamento e desenvolvimento.  Ainda, existe uma alta quantidade de comunicação interna (time) e externa (cliente) dentro de uma abordagem altamente interativa 

As metodologias ágeis são mais do que apenas formas alternativas de trabalho. Elas estão atreladas à cultura da sua empresa, sendo uma nova maneira dos colaboradores verem projetos e o cliente. Assim, é preciso haver um esforço interno para que a metodologia esteja alinhada com a empresa. Existem alguns sinais de que a metodologia ágil seria a mais adequada, como se você: 

    • Tem a necessidade de implementar mudanças, como novos projetos ou produtos;
    • Precisa mobilizar sua equipe por um tempo determinado;
    • Possui um período curto para a implementação do projeto e precisa que isso não interfira em sua qualidade;
    • Precisa de um método que acompanhe as evoluções e permita alterações durante esse processo;
    • Deseja verificar a construção do projeto de maneira efetiva e recorrente. 

Também, é preciso verificar se você teve as seguintes dificuldades em projetos semelhantes:

    • Você já teve dificuldades em manter entregas;
    • Os requisitos dos produtos não corresponderam aos esperados pelo cliente ou público;
    • O time passou por problemas como falta de integração entre times ou transparência;
    • A empresa não está encaixada na realidade do setor;
    • Pouca afinidade entre o que o time e o cliente final;
    • Excesso de documentação pouco útil. 

As metodologias ágeis são essenciais para que as empresas de todos os setores no futuro consigam manter sua competitividade. Dessa forma, muitos requisitos da transformação digital, como rapidez, foco no consumidor e transparência. Assim, sem elas, será cada vez mais difícil que empresas que pretendam crescer consigam se destacar em seus campos de atuação. 

 

As principais metodologias ágeis

Há diferentes tipos de metodologia ágil disponíveis no mercado, sendo que cada um tem suas particularidades. Confira as principais a seguir.

    • Extreme Programming: Foco em equipes, agilidade e qualidade, por meio de reuniões periódicas com o cliente e tarefas realizadas semanalmente, possibilitando ao cliente acompanhar a evolução do projeto em tempo real. 
    • Kanban: Criado pela Toyota, constitui um quadro onde as tarefas são divididas pelos setores e estágio (a fazer, fazendo ou feito). Proporciona um controle melhor do andamento de projetos. 
    • Scrum: O método mais popular. É um framework de fácil utilização que permite a independência e igualdade de responsabilidade nas tarefas pelas sprints (ciclos). São centrados em um owner, que assume o papel do cliente no projeto.  
    • Lean Development: Prioriza projetos enxutos, muito popular em startups. Dele surgiu o conceito de minimal viable project, onde há eliminação de gastos e mais qualidade final do projeto.  
    • Smart: Adequado para projetos de curto ou longo prazo. Prioriza a definição das metas em alinhamento com o crescimento da empresa, sem prejudicar a qualidade e tempo de execução. 
    • Design Sprint: Desenvolvido pela Google, baseado nos modelos de sprint, focado em tarefas estratégicas realizadas em ciclos mais curtos. Nele, o principal não é a construção do produto, mas sua viabilidade. 
    • Crystal: O mais versátil em tamanho de equipes. Centrado na interação e desenvolvimento de skills e comunicação, há uma sólida cultura de testes e entregas frequentes. Ideais para equipes com maior contato direto. 

Os benefícios para quem adota esse tipo de estratégia são imediatos. Dessa forma, há um melhor controle das entregas e desenvolvimento do projeto, a inclusão de mudanças ocorre em qualquer etapa e a redução de custos. 

 

Como a CTC aplica metodologia ágil? 

São muitas as aplicações dos times ágeis, desde a idealização de um produto até a sustentação de aplicações, porém, todos com o mesmo objetivo, que é acelerar as entregas com autonomia e qualidade dos nossos clientes.

Pensando nisso, a CTC analisa e aloca perfis específicos para formação de Squads dentro das empresas. Squad é uma célula ágil, é praticamente uma micro-empresa dentro da sua companhia. Portanto, tem uma missão e autonomia suficiente para que aquele projeto seja exatamente o que você planejou.

Nossa equipe esta preparada para atuar com os principais modelos de mercado, porém, se você estiver procurando um modelo que seja só seu, te ajudamos nessa jornada. Entre em contato conosco e conheça mais sobre esse e todos os outros produtos e serviços que a CTC disponibiliza à sua empresa. 

Leia também:  Squads de tecnologia: quando incluir na sua estratégia?