5 tendências para o mercado de ISP em 2021

No Brasil, o mercado ISP tem crescido exponencialmente. Hoje ele ocupa a maior fatia do marketshare, por meio de uma parcela crescente da população que não era atendida pelas grandes operadoras. Com a chegada da pandemia, os provedores viram sua demanda crescer provocada pela necessidade de internet no distanciamento social. Pensando nas mudanças que ocorreram em 2020 e algumas previsões de especialistas, a CTC sugere algumas das principais tendências para o mercado ISP no próximo ano.

1 – Comunicações entre máquinas aumentará a demanda.

As conexões Machine to Machine (M2M) já tem observado um crescimento que pode se estender por muitos anos, chegando a um aumento de quase 50% até o final da década. Dessa forma, a demanda pela internet que permite a comunicação entre máquinas continuará crescendo tanto em quantidade como em qualidade. Com a expansão da tecnologia em setores rurais e aumento da demanda em zonas mais periféricas, caberá ao mercado ISP mapear e suprir essa necessidade.

2 – Serviços de Streaming: a menina dos olhos do mercado ISP

Os serviços de streaming, principalmente áudio e vídeo, começou em meados da década passada e observou um crescimento enorme nos últimos anos. Esse tipo de diversão foi amplamente difundido no período da quarentena e agora possui representantes nas maiores empresas de entretenimento atualmente. Pensando nesse investimento, existem diversos serviços complementares no mercado e pacotes específicos que permitem reforçar sua oferta. Pesquise, converse com fornecedores do seu setor (como a própria CTC) e entenda melhor como sua ISP pode se aproveitar dessa tendência.

3 – O foco do mercado de ISP será na velocidade.

O Brasil ainda anda bem atrás quanto a velocidade de internet, chegando a pouco mais que um 1/3 comparado a da média mundial. Isso é parcialmente favorecido por medidas não tão rígidas quanto a regulamentação sobre a prestação de serviços pelos maiores players do mercado. Essa é uma ótima tendência para que as ISPs comecem a mostrar sua relevância ao público, propondo planos e incrementando sua infraestrutura. Dessa forma, surgem oportunidades com melhor custo-benefício e uma alternativa atraente para certos públicos. Para se ter ideia, um dos maiores representantes dessa necessidade está no mercado de jogos. Foi prospectado que o mercado cresceria cerca de 15% no final deste ano, revelando uma alta demanda por uma internet de melhor qualidade.

4 – Foco no crescimento das classes D e E

O tráfego mundial cresceu muito desde a última década. A disponibilidade de tecnologias como o wifi e o 3G converteram em digital uma parcela da população que antes não era. Contudo, ainda hoje, não há muitas estratégias de qualidade direcionadas a essa população. A abrangência local das ISPs permite que estratégias sejam feitas sob medida, conhecendo em profundidade seus públicos e permitindo uma maior assertividade em sua aplicação. Dessa forma, observe seu campo de atuação e se questione se não há maneiras de fornecer ou complementar ou melhorar o serviço para essas classes.

5 – Novo cenário de competição com as grandes operadoras

Anteriormente, os limites de competição entre as grandes operadoras e as pequenas era bem evidente. Dessa forma, havia um grande espaço para que ambas crescessem harmonicamente. Ainda, pelo lado das grandes, existia um receio em investir em regiões menos populosas. Contudo, o crescimento da demanda e a perda crescente de mercado fez com que essas empresas começassem a se aventurar nessas localidades. Por isso, é preciso tornar o serviço ainda mais atrativo, investindo justamente na personalização e identificação do público. Entenda seu público-alvo, saiba como agradá-lo e atende-lo e formate produtos cada vez mais adequados e complexos. A fidelidade do público do mercado ISP é conhecidamente alta, só precisa ser estimulada.

Uma última dica: mercado isp é foco em gestão!

A melhor tendência continua sendo o foco em gestão. Saia do ponto comum e procure novidades no seu setor. Dessa forma, você poderá revolucionar por meio de medidas simples e valorizar ainda mais o seu produto. Adote medidas que integrem o seu time, estimulem sua criatividade e bom serviço e faça sua marca grande onde ela mais importa: dentro da empresa!